Assembleia Legislativa elegeu metade dos participantes do Parlamento Jovem 2023

A edição do Parlamento Jovem 2023, programa destinado a estudantes do ensino médio de escolas públicas, realizado pela Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), já elegeu metade dos 24 deputados estaduais jovens, até esta sexta-feira (5). A cada ano, são selecionados cerca de 48 jovens para participar do programa, sendo que cada um deles representa um deputado estadual em exercício e um suplente. Todos os eleitos têm entre 16 e 17 anos e são alunos de escolas estaduais. São: Gabriel Henrique Pereira Dias, Raijackson dos Anjos Moraes, José Carlos Matos Leite Neto, Ederson de Souza Auzier, Maria Luiza Lopes de Oliveira, Carlos Willian Araújo Costa, Miryan de Melo Queiroz, Caio Gabriel Máximo Ferreira, Andrey Freitas dos Santos, Wagner Bruno Lopes de Lessa, André Batista Costa e Luciano Henrique Brandão Cabral.

Cassandra Cerejo, gerente de Educação Cidadã, da Escola do Legislativo, explicou que esse ano houve algumas mudanças em relação às edições anteriores. “Nós incluímos nessa edição seis municípios da Região Metropolitana: Itacoatiara, Rio Preto da Eva, Presidente Figueiredo, Iranduba, Manacapuru e Novo Airão. Até agora, o Parlamento Jovem foi a Rio Preto da Eva, Manacapuru e Presidente Figueiredo”, explicou.

Até o momento, 12 escolas já foram visitadas pela equipe do programa, ocasião em que são ministradas palestras sobre representação política, cidadania e direitos. Depois os estudantes escolhem um representante e um suplente. Nesse ano, somente os titulares irão participar da programação, e em caso de vacância, um suplente é convocado. “Falamos sobre o papel do Legislativa, de propor leis e fiscalizar os outros Poderes, representação popular, enfatizamos o poder que a população tem. Mostramos que os estudantes têm direito à educação, mas também tem o dever de estudar, senão é desperdício de dinheiro público”, complementa Cassandra.

Parlamento Jovem

O programa Parlamento Jovem é uma iniciativa da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), criada em 2004, que tem como objetivo promover a participação política e cidadã dos jovens estudantes amazonenses, permitindo que eles conheçam de perto o funcionamento do Poder Legislativo Estadual e apresentem projetos de lei.

Durante a participação no Parlamento Jovem, os estudantes passam uma semana na Aleam, onde têm a oportunidade de vivenciar a rotina de trabalho dos parlamentares e apresentar projetos de lei que serão discutidos e votados pelos demais participantes. O programa também inclui atividades culturais, palestras e debates sobre temas relevantes para a sociedade.

O Parlamento Jovem tem como objetivo formar novas lideranças políticas, conscientizar os jovens sobre a importância da participação cidadã e estimular a discussão e proposição de políticas públicas voltadas para as necessidades da juventude brasileira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *