Rompimento em fibra subfluvial afeta serviços de internet e telefonia no Amazonas

Segundo a Abranet, o rompimento afetou diretamente três cabos que fornecem internet ao estado.

Uma falha técnica de grande escala vem impactando severamente os serviços de internet e telefonia celular em Manaus e no interior do Amazonas desde a manhã de segunda-feira, 13. O problema teve origem no rompimento de uma fibra subfluvial da Embratel, localizada no Rio Solimões, por volta das 7h40. As informações são do Toda Hora.

De acordo com informações da Associação Brasileira de Internet (Abranet), a capital amazonense está enfrentando dificuldades significativas de conectividade desde o incidente, contando apenas com uma conexão de contingência proveniente da Interligação Tucuruí-Macapá-Manaus, popularmente conhecida como “Linhão de Tucuruí”.

Alguns municípios do interior, como Manaquiri, Careiro Castanho e Autazes, estão sendo diretamente afetados.

O vice-presidente da Abranet, Jesaias Arruda, explicou que o rompimento afetou diretamente três cabos que fornecem internet ao estado. Dois desses cabos, sendo um principal e um de redundância, provêm do Pará, enquanto o terceiro vem de Porto Velho. Arruda ressaltou a complexidade da situação, mencionando que técnicos já estão trabalhando no local para realizar as fusões necessárias.

“O serviço ainda não está 100%, uma vez que há uma fibra subfluvial rompida no Rio Solimões. Os operadores já estão atuando no local para fazer a fusão, mas, por ser de baixo do rio, a situação é mais crítica”, disse.