Prefeitura de Manaus vacina 276 idosos com a vacina bivalente na FUnATI

‘Sextou’ com saúde para os idosos contemplados com a vacina bivalente ofertada pela Prefeitura de Manaus, na Policlínica Gerontológica Darlinda Esteves Ribeiro, localizada no bairro Santo Antônio, na área da Fundação Universidade Aberta da Terceira Idade (FUnATI), na zona Oeste da capital. A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) instalou um ponto de vacinação onde foram vacinados 276 idosos com a vacina, que garante proteção reforçada contra o vírus original da Covid-19 e as subvariantes da Ômicron. Desde segunda-feira, 6/3, a equipe da Unidade Básica de Santo Antônio, do Distrito de Saúde Oeste (Disa Oeste), estava ofertando a vacina no horário das 8h às 12h, um dos períodos de maior circulação de pessoas na FUnATI, o que possibilitou a boa adesão do público.

A titular da Semsa, Shádia Fraxe, avalia que a ação foi bem-sucedida e que as pessoas da terceira idade estão de parabéns pelo compromisso com a saúde. “É muito bom poder comprovar que os idosos sabem que a vacinação é importante, que salva vidas. Estamos muito felizes com esse resultado. E aproveito para reforçar que a bivalente também está sendo ofertada em outras unidades da Semsa e que esse público, que faz parte dos grupos prioritários para receber a bivalente, pode também comparecer nas demais unidades da Semsa, cujos endereços podem ser conferidos no nosso site e em nossas redes sociais”, reforçou Shádia.

O chefe do Núcleo de Imunização do Disa Oeste, Adamor Cavalcante, salientou que Semsa e FunATI já promovem ações exitosas na imunização para as pessoas idosas. Um exemplo dessa boa relação é a oferta da vacina contra a H1N1, que tem forte impacto na saúde dos idosos, daí a necessidade de proteger esta população. “Foi uma parceria muito positiva, como todas as que temos desenvolvido com a FUnATI. Essa vacina é muito importante para os idosos que são mais vulneráveis à Covid-19. E a Semsa já está alinhando ações para a oferta da vacina contra a influenza para alcançar os alunos da fundação e os idosos dessa região”, disse Cavalcante.

O reitor da Fundação Universidade Aberta da Terceira Idade, Euler Ribeiro, explicou que a procura superou as expectativas e revelou a necessidade de ajustar o planejamento das duas instituições para beneficiar mais pessoas. “Em princípio havíamos programado a vacinação para apenas um dia, mas a procura foi tão grande, que decidimos estender para os cinco dias úteis da semana. Foi uma ação fundamental para os idosos”, acrescentou.

Após receber o imunizante, a aposentada Maria das Dores Ferreira, disse que estava mais tranquila. Consciente da importância dos imunizantes, ela recomendou que todos, mas principalmente os idosos, precisam garantir que as formas mais graves da doença não se manifestem. “A gente ouve muitos boatos de que as vacinas têm muitos efeitos. Eu já tomei todas as doses e vi que não é bem assim. Tem gente que acha que a vacina vai nos proteger totalmente contra a doença, quando na verdade, a vacina é para evitar as formas graves. Peço que as pessoas não liguem para os boatos e se vacinem. Antes a gente reclamava que não tinha vacina, e agora que temos, precisamos nos vacinar”, recomendou a idosa.

A oferta da vacina bivalente será realizada pela Semsa neste sábado das 8h às 12h, em nove Unidades Básicas de Saúde. Os endereços podem ser identificados pelo link , no site semsa.manaus.am.gov.br e pelas redes sociais da secretaria. Para receber este imunobiológico é necessário que os usuários dos grupos prioritários, tenham tomado a segunda dose do esquema primário, ou qualquer dose de reforço, no período de pelo menos quatro meses.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *