Alunos do Liceu de Artes e Ofícios Cláudio Santoro de Parintins visitam a galeria de arte a céu aberto da cidade

Estudantes tiveram a oportunidade de conhecer artistas, modalidades e técnicas de artes visuais

Em uma aula diferente, que saiu dos domínios das salas do Liceu de Artes e Ofícios Cláudio Santoro, os alunos de Desenho da Unidade Parintins visitaram, na tarde de quarta-feira (15/03), a galeria de arte a céu aberto existente na Ilha Tupinambarana. No passeio, os estudantes de Arte conheceram melhor as obras de grandes artistas parintinenses expostas em um circuito de mais de dois mil metros quadrados disponível pelas ruas de Parintins.

Com o apoio do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa e da Agência Amazonense de Desenvolvimento Cultural (AADC), a galeria a céu aberto foi idealizada e criada em 2022, para integrar os atrativos do Festival Folclórico de Parintins, e conta com obras que envolveram 90 profissionais do município, gerando emprego e renda para os artistas do segmento de Artes Visuais.

Na visita, os estudantes de Desenho tiveram a oportunidade de ver com olhos mais críticos – observando materiais e técnicas – as obras de artistas como Jair Mendes, Iran Martins, Evanil Maciel, Glacivan Silva e José Trindade, entre outros.

A série de obras gigantes do artista Iran Maciel, uma das primeiras visões de quem chega a Parintins pelo aeroporto Júlio Belém, é um bom exemplo da parceria entre o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, com os artistas parintinenses.

Intitulado “Excultura”, o projeto inclui as obras “Aranha”, “Iguana”, “Cobra Grande” e “Postergar”, e foi viabilizado por meio da Lei Aldir Blanc – Programa Cultura Criativa 2020 – Prêmio Feliciano Lana.

Relevância

O artista visual e professor do Liceu de Artes e Ofícios Cláudio Santoro, Josinaldo Matos, avalia ser de extrema importância para a formação dos alunos as programações como a da tarde desta quarta-feira. “A importância do que foi construído aqui em Parintins, com os editais de cultura proporcionados pelo Governo do Estado e pela Secretaria de Cultura, é de muita relevância para a comunidade parintinense, principalmente para os nossos alunos que estão estudando Arte”, avalia o professor. Josinaldo explica que, na Unidade de Parintins do Liceu de Artes e Ofícios Cláudio Santoro, somente no Núcleo de Artes Visuais, há mais de 300 alunos. “Hoje nós temos a possibilidade de pegar o ônibus e levar esses alunos para fazer um tour cultural. Conhecer as esculturas, as pinturas, os grafites, a variedade artística que está sendo produzida e proporcionada para a comunidade parintinense e, principalmente, para quem está estudando Arte”, afirma o professor Josinaldo.

Sonora Josinaldo Matos, artista visual e professor do Liceu em Parintins

Os alunos também sabem valorizar a importância do tipo de programação de campo proporcionada pelo Liceu. “É importante para a gente conhecer a arte de Parintins, conhecer os artistas, as formas de arte que existem. Da mesma forma que eles fazem esse tipo de arte, nós também podemos fazer, adquirindo mais conhecimento para nós, que estamos só iniciando”, afirma Lucas Natividade Tavares, aluno do curso de Desenho.

Sonora Lucas Natividade Tavares, estudante de Desenho do Liceu

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *