Palestra de prevenção do câncer de colo uterino marca encerramento da campanha Março Lilás

No encerramento da campanha Março Lilás, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) realizou nesta sexta-feira, 24/3, a palestra “Prevenção do câncer de colo de útero”, no auditório da Secretaria, no bairro Parque 10 de Novembro, Zona Centro-Sul. A programação reuniu servidores, representantes das setes Divisões Distritais Zonais (DDZs) e gestoras, e é resultado da parceria da Semed com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e a Manausmed. A atividade faz parte da campanha “Março Lilás”, como forma de sensibilizar as mulheres sobre a importância da prevenção e combate a este tipo de câncer. Na ocasião, foi realizada uma homenagem às servidoras da sede, além de uma ação preventiva com consultas com ginecologistas, exames preventivos e exames bioquímicos.

O enfermeiro, membro da área técnica do Programa Saúde da Mulher do Distrito de Saúde Sul (Disa Sul) da Semsa, Edicarlos Santos da Silva, foi o palestrante do encontro. Para ele, é fundamental que todos tenham conhecimento sobre como o diagnóstico precoce da doença pode ajudar a salvar vidas. “Foi passado em relação à incidência do câncer do colo de útero em todo país, mas precisamente de uma forma geral com relação a prevenção e as formas que se pode estar evitando esse câncer, se for diagnosticado precocemente. Nós temos uma incidência muito alta e queremos reduzir. Para isso, temos que conscientizar as pessoas de realizar o preventivo”, explicou Edicarlos.

Para a assistente social e coordenadora da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da DDZ 2, Rosangela Cunha, a palestra foi muito significativa, pois o trabalho na divisão sobre os riscos do câncer de colo uterino é grande nas 71 unidades de ensino da divisão. “A temática é importantíssima, pois estamos vivendo esse período com relação ao câncer. Trabalhamos junto às escolas municipais da divisão, tanto com os alunos quanto com a comunidade, sobre as parcerias que temos com as Unidades Básicas de Saúde (UBSs), médicos, enfermeiros, para que possamos levar até à população mais informações para prevenir contra o câncer”, completou a assistente social.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *